Entidade Prestadora de Apoio Técnico (EPAT)

A DESTEQUE é uma Entidade Prestadora de Apoio Técnico credenciada pelo IEFP desde julho/2017 para prestar apoio técnico a promotores de projetos de criação do próprio emprego ou empresa, no âmbito de medidas e programas de apoio ao empreendedorismo executadas pelo IEFP.

As EPAT apoiam os empreendedores em aspetos críticos, nomeadamente na estruturação do projeto, na mitigação de riscos do negócio, na angariação de fontes de financiamento e na sustentabilidade, desenvolvimento e consolidação dos projetos.

 

Objetivos

  • Promover o empreendedorismo, a criação de emprego e o crescimento económico
  • Apoiar a criação de novas empresas e do próprio emprego por parte de desempregados
  • Fomentar a criação de emprego e o empreendedorismo entre as populações com maiores dificuldades de acesso ao mercado de trabalho

 

Modalidades de apoio:

  • Apoio técnico prévio à aprovação do projeto de criação do próprio emprego ou empresa, contemplando o desenvolvimento de competências em empreendedorismo e apoio específico à criação e estruturação do projeto, incluindo elaboração de planos de investimento e de negócio
  • Apoio técnico à consolidação do projeto, nos dois primeiros anos de atividade da empresa, contemplando acompanhamento da execução do projeto aprovado e consultoria em aspetos relacionados com a gestão e operacionalização da atividade

 

Medidas e programas de apoio ao empreendedorismo:

  • Apoio à criação de empresas, nos dois primeiros anos de atividade da empresa, contemplando acompanhamento da execução do projeto aprovado e consultoria em aspetos relacionados com a gestão e operacionalização da atividade
  • Programa Nacional de Microcrédito, no âmbito do Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Economia Social (PADES) – medida concretizada pela Cooperativa António Sérgio para a Economia Social (CASES)
  • Apoio à criação do próprio emprego por beneficiários de prestações de desemprego – medida de apoio a projetos de emprego promovidos por desempregados subsidiados, desde que os mesmos assegurem o emprego, a tempo inteiro, dos promotores

 

Destinatários

  • Desempregados inscritos nos serviços de emprego, ou outros públicos com especiais dificuldades de inserção, que sejam promotores de projetos de criação do próprio emprego ou empresa, no âmbito de programas e medidas de apoio ao empreendedorismo promovidos pelo IEFP, IP, isoladamente ou em articulação com outros organismos

Apoios

As diferentes medidas compreendem os seguintes apoios:

Ficheiro Impressão EPAT